Episódios


Leitores, desculpa a demora monumental. Esperamos que isso não prejudique a leitura dos episódios. Estamos trabalhando na estrutura para que isso não se repita.

Para ler o episódio, clique aqui.

Para baixar o .pdf, clique aqui.

Acreditar em alguém é um processo que exige, acima de tudo, confiança. Não se acredita
sem confiar. Acreditamos em nossos pais, pois confiamos que eles nos amam de verdade e
incondicionalmente. Acreditamos nas pessoas que amamos, pois elas juram que ficarão ao
nosso lado na saúde e na doença, na alegria e na tristeza.

Mas, ao lado da confiança, vem a dúvida. Cruel e avassaladora, que não poupa esforços para
destruir a primeira, numa guerra sem fim.

Em quem acreditar? Em quem confiar? De quem esperar confiança?

Vocês vão saber agora, no 5º episódio da 3ª temporada.

Aproveitem.

Edízio Andrade

Para ler o episódio, clique aqui.

Para baixar o .pdf, clique aqui.

Leitor, nós já nos conhecemos há algum tempo… Dois anos e meio. Dois anos e meio! (alguns menos, mas não importa) Quando se fala (ou se lê) parece que fica mais… Verdadeiro.

Você, leitor, nos acompanha e nos aceitou como seu legítimo autor, nós viemos aqui, pedir o seguinte favor: leia-nos nos episódios tristes e felizes, nos episódios interessantes e até nos mais chatinhos. Comente, sugira, ria e chore com a gente na alegria e na tristeza até que o “The End” nos separe.

Pelo poder em nós investidos pela criatividade, eu nos declaro autor e leitor.

Filipe, Poliana e Samara Andrade.

Para ler o episódio, clique aqui.

Para baixar o .pdf, clique aqui.

 

As reações humanas quando se deparam com o risco da perda de alguém que se ama são distintas. Umas tentam de todas as formas se certificarem que está tudo organizado e sendo cuidado. Outras se afastam na tentativa de se proteger de uma dor maior. Ainda tem os que se sentem culpados, ou não sabem como agir. Não existe certo ou errado, bom ou ruim, mas sim emoções e sentimentos distintos e os Andrades precisam se entender quanto à nova dinâmica da família. E ao mesmo tempo devem cuidar de suas vidas e seus afazeres.

 

Poliana Andrade.

Para ler o episódio, clique aqui.

Para baixa o .pdf, clique aqui.

Esse episódio, BIP!, pode ser considerado um episódio sobre saúde, por que não?

Saúde física de Nora e Lucas, saúde emocional de Caio e de Ingrid, dos relacionamentos amorosos de Sara e Marcelo, Vera e Saulo e Carol e Roberto. De vez em quando, precisamos dar uma repensada na nossa vida, ver aquilo que nos prejudica de qualquer forma e se livrar disso. Se não for possível, aprender a conviver com isso da melhor maneira possível. E é isso que os Andrades fazem nesse episódio.

Ah, por que BIP? Apenas uma diversão dos autores desse episódio, que esperam que você se divirta bastante lendo também!

Edízio e Rodrigo Andrade.

Para ler o episódio, clique aqui.

Para baixar o .pdf, clique aqui.

A linha tênue entre a razão e a emoção nos coloca sempre numa encruzilhada. Coloca-nos em dúvida e em confronto, tendo reações absurdas ou nos deixando sem palavras. Equilibrar coração e mente talvez seja a nossa tarefa diária mais difícil. Os Andrades estão aí para provar isso e, quem sabe, testificar que a razão e a emoção podem também caminharem juntas.

E, falando em Corações e Mentes, eu queria aproveitar que este é meu último episódio dessa temporada para agradecer aos meus amigos-irmãos por mais esse ano de parceria. Nas escritas e na vida. Isso sim foi um grande encontro de almas! Rod, Ed, Lipe e Polly, vocês fazem a diferença e já são mais do que essenciais no meu dia a dia.

Samara Andrade

p.s Próximo episódio, o 2.19 – BIP  (penúltimo da temporada!),  só irá ao ar dia 10/05.

Para ler o episódio, clique aqui.

Para baixar o .pdf, clique aqui.

Antes de mais nada, um pedido de desculpas dos Andrades pelo atraso na publicação do episódio. Não são vocês, somos nós, os culpados. Episódio este que é importantíssimo não só pelas surpresas e revelações que preparamos para vocês mas também pelo fato de expor uma característica comum a todos os nossos personagens: eles tentam controlar a tudo e a todos e isso nem sempre acaba bem.

No mais, será que vocês estavam certos sobre Diego? Quem será o misterioso Davi? O que está acontecendo com Nora? Respostas, muitas respostas estão a um clique de distância! Até a próxima!

Filipe e Poliana Andrade

Para ler o episódio, clique aqui.

Para baixar o .pdf, clique aqui.

Ao escrevemos, mesmo sem percebemos e inevitavelmente, acabamos colocando um pouco de nós nos personagens. Uns mais, outros menos, mas cada membro da família Andrade e seus agregados têm um quê de cada um de seus criadores. Nós (Samara e Rodrigo) nos identificamos mais com Sara e Carlos, respectivamente. Por isso e por nossa evidente sintonia, mesmo antes de sermos designados a escrever esse episódio em dupla, já comentávamos de fazermos uma cena “interpretando” esses personagens, num esquema de total improviso. E assim foi feito. Em outras cenas, com outros personagens, também nos aventuramos na improvisação e acreditamos que assim as cenas ficaram com uma boa dinâmica. Esperamos que gostem.

Mas falando dos Andrades reais (ou fictícios) por excelência, nesse episódio, intitulado de A Estrada, cada um vai seguindo seu caminho, andando pelas alamedas das suas escolhas, com os obstáculos e venturas que a estrada da vida os reservam. Indo em frente, porque não há melhor direção.

Boa leitura!

Rodrigo e Samara Andrade

Próxima Página »